Blog

Carvão ativado clareia os dentes? Mito ou Verdade?

Conhecido pela função detox, o carvão ativado é uma substância proveniente do carbono puro de grande porosidade, que ajuda na remoção de impurezas do organismo.  É utilizado para diversos fins, desde o tratamento da água até na indústria de produtos alimentícios e farmacêuticos, pelo seu poder de  purificação, clarificação e desodorização em certos processos.  Muito comum encontrá-lo  em produtos para a pele, cabelos e em cremes dentais com a promessa de clarear manchas e amarelados dos dentes.

É também muito utilizado em casos de intoxicação por alimentos, drogas, medicamentos ou produtos químicos.

Qual a diferença do carvão usado na churrasqueira?

Embora seja muito parecido com o carvão usado na churrasqueira, por ser do tipo vegetal, não é a mesma coisa. A principal diferença entre eles é a matéria-prima e o tamanho da partícula.

O carvão ativado é proveniente da queima da cortiça, lascas de madeira e cascas de coco;  é bastante poroso e se apresenta  em forma de pó. O carvão da churrasqueira vem da lenha, de uma madeira mais dura e, mesmo que você triture, ele não vira pó.

O carvão ativado clareia os dentes? Mito ou verdade?

Além de todo o destaque no mercado de cosméticos, o carvão ativado também promete clarear os dentes.

De acordo com as indústrias que produzem cremes e escovas, cremes dentais que têm em sua composição o carvão ativado, tem a capacidade  de remover de forma gradativa as manchas dos dentes causadas por exemplo por: café, vinhos e chás; e  consequentemente, ajudam  a deixar o sorriso mais branco. 

Pesquisas ainda apontam que sua inserção na fabricação de escovas de dentes pode trazer benefícios levando à diminuição das bactérias em suas cerdas.   No entanto, utilize  apenas cremes dentais  e escovas que tenham  sido testadas e aprovadas por especialistas e pela Anvisa, pois estas  não oferecem nenhum risco para o seu sorriso.

Vale ressaltar ainda assim,  que  não existe comprovação científica de que o carvão  ativado clareia mesmo os dentes, e nossos especialistas alertam que o processo vem da ação abrasiva do carvão, que atua  removendo a camada superficial dos dentes (esmalte) , como se estivesse descascando. Em um estudo realizado na Malásia, onde os  indivíduos estudados utilizaram  o carvão ativado como forma de higienização dentária, observou-se que todos os pacientes apresentaram  graus distintos de desgastes no esmalte. Esses desgastes  tornam  o dente mais porosos  e quebradiços, causando  sensibilidade dentária e aumento do risco da formação de cáries.

Por isso,  é  sempre necessário buscar  a orientação do seu dentista. Somente ele pode te explicar sobre as variadas formas de clarear os dentes e decidir qual o tratamento mais indicado para o seu caso.

Não faça nada por conta própria e preserve a sua saúde bucal.

Fonte de pesquisa:
https://www.minhavida.com.br
https://www.cro-pe.org.br
http://www.fo.usp.br

Skip to content